Para falar de flores

Tenho visto imagens lindas no Facebook. As que me chamam mais a atenção são as mesas postas para o café da manhã, ou da tarde.
E as flores.
Flores encantam a vida, embora eu não tenha o hábito de comprá-las para enfeitar a casa.
Não gosto do cheiro das flores quando vão perdendo o perfume. Lembram-me velórios.
Não gosto de vê-las murchando, caindo sobre a jarra.
Gosto delas em vasos, bem fincadas na terra que as fortifica.
Ou no solo mesmo, o melhor lugar para elas.
                                           (Arbusto, no sítio, nativo, não sei que flores são).
Flores enfeitam qualquer ambiente, sem dúvida. E evocam a vida. 
Por isso, pela vida, colocamos flores nos caixões e as coroas simbolizam a eternidade, na sua forma de círculo. 
 Não sei dizer, com certeza, qual a minha flor preferida, embora minha queda maior seja pelas orquídeas. 

                                            (Replantadas, no sítio)

 Há tanta flor, tanta cor, que me perco.
(Flor de cerejeira)
Por esses caprichos da natureza, as flores de alguns frutos ou legumes são deslumbrantes, nem sempre correspondendo ao aspecto ou gosto dos mesmos. Esta - acima - é a flor do quiabo.
  E esta é a flor do pequizeiro, cujo fruto (pequi) não é bonito e para  mim, tampouco gostoso.

E nem só de cactus vivem os terrenos áridos. Esta flor só nasce no deserto.
(Imagem daqui)

E como comecei contando que vejo imagens lindas de mesa do café da manhã e flores, deixo esta imagem que para mim é linda, na sua simplicidade. Sem flores, mas com o aroma do café mais gostoso que existe. O de coador de pano.
Bom domingo!
            (Não sabia, mas a Cristina me ensinou: esse suporte para o coador chama-se "mariquinha".)

26 comentários:

marina disse...

Que bonitas imagens!
E o cheiro do café...agora pareceu-me senti-lo!
Beijinho e bom domingo!

✿ chica disse...

Que delícia de post e além das flores maravilhosas ,terminas com esse cheirinho do café...Delícia! beijos,lindo dia e semana! chica

♥Entre, a casa é minha! por: Monalisa Melo disse...

Delícia o cheirinho das flores. Amo passar por perto da "dama da noite".
E cheirinho de café então? Adoro.....Beijinhos querida, bom domingo para vc e família.
Mona...*

Pepa disse...

Oi Lucia, é a Vi, eu gosto de flores, mas prefiro elas plantadas, do que as colhidas e colocadas em vasos.
Não deu para visualizar direito a foto do arbusto, pela cor achei que fosse Buganville.
Um café fresquinho é tudo de bom!
Boa semana,beijos,Vi

Denise disse...

Adorei essa postagem, Lúcia! Já sabes da minha queda por belas mesas postas. Tb tenho pena de comprar flores cortadas, pois duram pouco. Gosto de comprar flores em vasos, ficam dentro de casa e depois vão pro meu jardim :)
Um linda semana pra ti!
bjs,
Denise

Sheyla - DMulheres disse...

Lucia

Há flores por todos os lados.. acho-as lindas e tb não gosto quando murcham... Adoro o cheiro de jasmim no final da tarde e o cheiro de café fresquinho....
Uma semana bem florida e cheirosa para vc, sua linda.

Bjossssss

Cristina disse...

Oi Lucinha! Como está?

Que post suave, tranquilo... eu também admiro as coroas de flores, parecem mandalas: invocando a eternidade, a perfeição, a transcendência.
Quanto à flor do quiabo, reconheci de cara, magnífica! Não conheço o pequi, mas a bela flor me fez lembrar do maracujá.
amo as flores do campo que nascem após uma queimada (e chuva), são como fênix.
E esta saudosa mariquinha? hoje de manhã, limpei a nossa do sítio. Não a usamos a anos, mas é relíquia.

Grande beijo com perfume de flor do campo.

Calu disse...

Ô Lucia, que manhã deliciosa esta que vc nos traz: mesa caprichada, café coado e flores, muitas e belas e coloridas; um conjunto imperdível para o começo de todo dia.

Como agora já anoiteceu, a lembranças destas singelezas deixam um sorriso no rosto.
Uma florida semana pra vc.
Bjos,
Calu

Toninho disse...

Beleza,sabedoria e sensibilidade numa postagem.
Otima ideia Lucia.
Deu ate vontade de tomar um café.
Linda semana de paz e luz.
Carinhoso abraço amiga.
Bjo.

Clara Lúcia disse...

Adoro flores e não tenho grana pra comprar.... affff..... rsrsrsrs
Adoro hortênsias, margaridas... rosas também, mas o perfume delas quando estão murchando me incomoda também. Tbm me lembro de velórios...

Aqui em casa eu tenho flores artificiais. Não são o ideal, mas dá uma melhorada no ambiente.

Ótima semana, Lúcia!
Beijos

Turma Subsequente disse...

Sobre mesas... bem! Algumas me incomodam. Aquelas que algumas pessoas querem vender a imagem de que se alimentam bem, que comem politicamente correto, que segue as regras da nutricionistas... algumas parecem mais acusar do que revelar que se tem aquele gosto.

Quanto as flores, o que dizer? Digo que são como as velas. Servem para uma infinidade de atitudes, eventos, épocas. São polimórficas. São adaptáveis. São universalistas.

Se é para um jantar romântico? Flores e a luz de velas; Se for para um velório. Flores e velas podem ser utilizadas também.

Adelina disse...

Ah que delícia ver essas imagens tão lindas e 'gostosas' no início da manhã e da semana! Tenha um excelente dia e uma excelente semana! Um beijo.

Heloísa disse...

Lúcia,
Que poético esse seu post.
Poético e bonito.
Beijo.

She disse...

Que belas imagens você escolheu, amei! Realmente tem cada imagem linda no Face no quesito decoração, fico doida. rsrsrs
Beijo, beijoooooo e tenha uma excelente semana!
She

Kellen Bittencourt disse...

Lucia eu tbém prefiro a ultima imagem do café da manhã, a simplicidade me leva de volta a casa da minha avó que coava o café exatamente assim, na simplicidade da mesa encostada na sua janela de madeira! Adorei! Bjooooss

Teresinha disse...

Olá Lúcia,
Meu marido sempre achou ruim o fato de não poder me dar um buquê de flores. Eu nunca gostei. Gosto dos vasos. Delas plantadas...Somente.
O cheiro e as lembranças não são nada agradáveis para mim.
Linda postagem e imagens.
Beijos mil

Brechique da Dodoca disse...

Oi, querida Lucia!

Também prefiro as flores plantadas porque também não gosto de seus perfumes ao murcharem e fico penalizada com a breve vida das que são postas em vasos.
As fotos que vc escolheu para o post são lindas e as flores encantadoras, inclusive a do quiabo! Uma mesa, com café fresquinho é tentadoramente convidativa e irresistível!
Quando eu for a BH vou até aí beber o cafezinho de coador de pano, ok?
Bjsssssssssss, quérida, Deus a abençoa e acalma o seu coração dos aperreamentos!

Vera Lúcia disse...


Olá Lúcia,

Vejo que você é daqui de BH. Tive a impressão, e posso estar enganada, de que você já esteve em meu espaço e não consegui localizá-la para retribuir sua visita. Se eu estiver errada, não importa, pois valeu estar aqui para conhecer este seu lindo espaço (Estou vindo da Brechique da Dodoca).

Adoro as flores e suas cores. Às vezes, antes de entrar na garagem do meu prédio, paro o carro apenas para observar as árvores floridas da rua. Enchem meus olhos e a minha alma.
Não conhecia a flor do quiabo. Não gosto de quiabo, mas a sua flor é linda.

Parabéns pela linda postagem. Agora vou ter que ir na cozinha para tomar um cafezinho, pois a última imagem é tentadora.

Beijo.

ML disse...

Flores: "... Ou no solo mesmo, o melhor lugar para elas..."
Sim, sim, sim, Lúcia!

Minha flor favorita é... tulipa.
Meu "mato" preferido é... lavanda.
Se tivesse um jardim plantava... calanchoé.

Quanto ao café, de coador aqui não rola, só um normalzinho mesmo... Saúde!

bjnhs

Pitanga Doce disse...

Ai Lucia, que "floreaste" tanto este post! hehehe

Beijos e bom dia e café da tarde.

Luma Rosa disse...

Oi, Lúcia!!
Lembro que quando vi a primeira imagem no fb, fiquei encantada com o bulé e a caneca de ágata... que se repete na última imagem.
Ah, minha mãe não gostava de flores que não fossem as plantadas. Ela sempre dizia "eu ainda nao morri"... Por isso, não compro flores mortas, só em vasos, mesmo que pequenos. Daí é só usar um cachepô ou embrulhar o vasinho em um papel bonito.
Boa semana!!
Beijus,

Georgia Aegerter disse...

Lucia, lindas as flores. Eu tenho mania de pegar flores do meu jardim e trazer para o jarro.

Assim como tb os verdes para enfeitar a mesa na hora do jantar quando todos estamos juntos.


Bjos

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida amiga Lúcia
Hoje mesmo vi um monte delas e parei... tive que me deter e apreciar... tamanha era a beleza delas!!!
As suas estão lindas!!!
Bjm de paz e bem

Beth/Lilás disse...

Ah isso tudo me encanta, adoro flores, poesias, livros, uma mesa bem preparada com um café da tarde!
bjs cariocas


BLOGGER DO SOÜZ VIDI disse...


Sou botânico galês, diplomado pela University of Gales (País de Gales), no entanto, estou no Brasil há mais de trinta anos, vagueando como um lobo solitário pelas fascinantes matas e cerrados verdes do planalto brasileiro.

Com efeito, penso que é um desatino, o comentário amador da inteligente e exitosa autora deste Blog, acerca da má aparência da flor e gosto ruim da fructa do pequizeiro. pequi.

Em sendo assim, já pesquisei e conheço centenas de flores e fructos dos cerrados tupiniquins, e para mim, são as mais lindas de se ver e comer da América do Sul.
Portanto, doutora Lúcia, lhe rogo a mais respeitosa vênia, para refletir e reavaliar o seu comentário.
Soüz Vidifhäll

Lúcia Soares disse...

Para o comentarista acima, que não consegui localizar, digo que falei da beleza de algumas flores que não acompanham os frutos. Visto que nem o quiabo nem o pequi são bonitos em si mesmos, ainda assim elogiei as suas flores. Quanto a gostar do quiabo e do pequi, não me sabem bem, e isso é natural, não gostar de alguns sabores, mesmo quando de lindos frutos.
Obrigada por comentar, Soüz Vidi.